"De que são feitos os dias? De pequenos desejos, vagarosas saudades, silenciosas lembranças.''

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

'' Vou ficar aqui, entediada e tentando ser desvendada por meninos, enquanto espero você, um homem. O homem.''

''Nunca tive paciência pra ir até o final de nada. Nunca consegui acompanhar séries, programas, filmes com muitas continuações. Saio assim, no meio, deixando as coisas pela metade. Acho que vem daí minha dificuldade de terminar relacionamentos. Vou embora sem dizer adeus, deixo pedaços de mim, depois me refaço. Sou inteira e feita de histórias incompletas. Esse é meu grande desafio, meu mistério. Me manter por muito tempo na mesma coisa. Alguns caras aceitam minha partida, outros me deixam ir e depois querem tentar de novo. Não recomeço o mesmo jogo, deixo avisado. Agora, cadê o homem que consegue me prender? Olha,eu até me encaixo nas suas leis, a gente pode ir com calma ou depressa, com carinho ou mais frio, com exposição ou discreto. Essa é a minha parte. Depende de você conservar o frio na barriga, o pensamento monopolizado, a vontade de continuar sendo nós. Faça o que fizer, não me deixa enjoar! Eu enjôo de biscoito recheado, de Nescau, de bolinho, mas de uma pessoa, de uma história... Não me deixa sentir isso, não mais. Me prende no seu jogo, nos seus braços, na sua vida. Me prende de uma forma que, quando você me soltar, eu ainda esteja presa. Vou ficar aqui, entediada e tentando ser desvendada por meninos, enquanto espero você, um homem. O homem.'' - Marcella Fernanda

Nenhum comentário:

Postar um comentário